The 75th Venice International Film Festival

[um post que escrevi no início de setembro e o único que partilho mesmo fora de tempo, porque o festival terminou há dois dias, mas não quis deixar de publicar este conteúdo ]

Decorre nestes dias, desde o último dia 29, o Festival de Veneza. Trata-se de uma mostra internacional de artes cinematográficas que se faz anualmente em Veneza, mas numa dimensão muito maior do que o que parece com esta descrição. Este festival de cinema é o mais antigo do mundo e um dos mais prestigiados também. Além disso, o seu famoso prémio de Leão de Ouro (Leone d’Oro), atribuído aos vencedores de cada edição do festival, divide o título de mais relevante da Europa com o do festival de Cannes (Palme d’Or) e o do festival de Berlim (Golden Bear).

Para todos os amantes de cinema, é nesta altura que se começa a acompanhar ainda mais as maiores novidades. Além de se estrearem muitos dos melhores filmes do ano, nestes festivais influentes ainda se vê aquilo que provavelmente terá mais impacto em breve, não só no público como em distinções mundiais – como os próximos Óscares. Isto sabe-se através dos galardões que serão atribuídos na cerimónia do último dia do festival, que será no próximo dia 8 de setembro, e das projeções dos filmes ao longo deste festival único e respetiva reação do público a cada novidade.

Também como amante de cinema, ando entusiasmada e em cima do assunto, porque a cada dia chegam novidades boas e imagens lindas de Veneza – e até já tenho uma lista comprida destes filmes que quero conhecer. Podia falar muito mais da simbologia destes grandes festivais, cheios de história e tradição, mas não foi só para falar de cinema que vim falar do incrível Festival de Veneza. Ele também é fortíssimo ao nível de moda e glamour, dado que inclui inúmeras cerimónias e eventos de topo e a cada ano se supera na lista de convidados, no estatuto e reconhecimento que ganha e no luxo e nível de beleza que consegue atingir.

Estes dias têm sido um verdadeiro desfile de sofisticação natural na red carpet do festival, com alguns dos maiores nomes do cinema e da moda a relembrar-nos de todo o glamour associado ao mundo do cinema. Porque este mundo brilha muito também com as suas estrelas a desfilar absolutamente deslumbrantes e a deixar memórias que ficam, de cada festival e de cada época, ano após ano. Quem não adora uma bela sessão de nostalgia ao recordar determinadas divas do cinema dos anos 20, 30, 40…? É das coisas mais bonitas e admiráveis, mulheres cheias de talento e beleza, tal como as que desfilam hoje em dia nos nossos riquíssimos festivais (só que a cores). Ah, e em relação aos homens a mesma coisa! Só não brilham tanto na red carpet, entre vestidos, jóias e produção de cabelo e maquilhagem :)

Quis escolher algumas imagens para marcar esta edição muito importante. Este é o 75º Festival de Veneza e está a ser celebrado à altura do acontecimento. Com filmes que estão a dar que falar, com atividades de elevado interesse cultural durante o evento e ainda com presenças de figuras distintas no mundo das artes e do cinema. Também a moda marca presença, a abrilhantar ainda mais estes dias e a revelar o que os maiores criadores de outras artes têm andado a fazer. Destaco, como sempre, a nossa Sara Sampaio, não só porque é portuguesa, mas porque arrasou totalmente outra vez nos seus vários dias de red carpet.

Fundado em 1932, o Venice International Film Festival foi criado para divulgação e maior compreensão do cinema internacional em todas as suas formas: como arte, como entretenimento e também como indústria.

Entre um espírito de diálogo e liberdade, o festival procura honrar ao máximo a qualidade e trabalho desta indústria, a cada ano. O grande objetivo é o de reconhecer a excelência no cinema de forma justa e com seleções muito cuidadas e rigorosas na entrega de um dos prémios mais distintos do mundo do cinema: o Leone d’Oro, inspirado no Leão de São Marcos, também símbolo da cidade e que estava também presente na bandeira da República de Veneza. Também são organizados tributos a grandes figuras do cinema, são feitas retrospetivas para manter a essência deste mundo mágico bem viva e ainda feitas iniciativas várias para uma maior compreensão da dimensão e história da sétima arte.

Guillermo del Toro preside este ano o grupo que constitui o júri do mais antigo festival de cinema do mundo. Se também estão um pouco ansiosos pelos resultados, aqui ficam alguns dos melhores looks e momentos até agora nestes dias de sonho, agitação e emoções em Veneza. Com um ou outro look repetido, mas que valem mesmo a pena espreitar

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

No Comments