Inside Lauren Conrad’s Mansion

Como inspiração para uma semana feliz e em jeito de despedida do último mês do ano com direito a doses de sol e calor tardios, passo aqui para partilhar as mais recentes imagens da casa de Lauren Conrad, em Los Angeles.

Estas partilhas servem para inspirar, mas sobretudo para nos ajudar a sonhar. Porque a verdade é que nunca poderemos ser Lauren Conrad, nunca viveremos nestes contos de fadas e mansões de Beverly Hills, mas é-nos permitido sonhar – e copiar alguns bons exemplos também nunca nos fez mal. Mesmo que só fiquemos a caminho da perfeição, o importante será sempre o progresso, certo?

Assim, que ficam alguns pormenores desta luminosa e super inspiradora casa americana, com detalhes da cozinha, sala de jantar e casa de banho – todas as divisões lindíssimas – e eu destaco o conceito da sala de estar e convívio (onde está a lareira), segundo a própria Lauren:

“I love our living room because there are no electronics in there—just books, instruments, and a Victrola. When we are in the living room, we aren’t watching television or glued to our phones. We are talking or playing board games in front of the fire.”

É exatamente o meu conceito de pure living e que vejo constantemente na casa dos mais famosos ou mais endinheirados. Porque o sucesso faz-se pouco de televisão e redes sociais, e muito mais de trabalho na hora de trabalhar e contacto verdadeiro com quem é verdadeiro e nos é importante, na hora de descansar.

São poucas imagens mas espero que inspirem!
Boa semana :)

 

 

 

 

 

 

 

Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

2 Comments

  • Barcelence says:

    Uma estrela de reality show, que vive da moda, e na sala de estar só tem jogos de tabuleiro, instrumentos?!, uma victrola?!. Ou seja, se quiser ouvir música, tem que ser em carvão, nem sequer em vinil? Não diz se toca algum instrumento. Soa-me completamente a falso, pura aparência.

    • Belicious says:

      Barcelence, a parte de que na sala de estar não há tv ou aparelhos eletrónicos é totalmente verdade, mas depois há a outra sala (na imagem com sofás brancos) chamada precisamente de “TV Room” que serve mesmo só para ir relaxar a ver filmes ou séries, aí está a televisão. Mas a sala de estar continua a ter o conceito de convívio, que adoro, para que a comunicação entre as pessoas não seja incomodada por alguém que de repente decide sacar do telemóvel e passa a só estar metade presente :)